top of page

Sintsama-RJ atua em duas grandes frentes: em Brasília, contra os precatórios e pela Cedae pública; e na Alerj em defesa da escala 24x72

A terça-feira foi de muita batalha. O Sintsama-RJ esteve em duas importantes e estratégicas agendas. Em Brasília, o presidente do Sindicato, Vítor Duque e o diretor Luiz Dantas, trataram de buscar saídas contra a decisão de pagar as ações judiciais da Cedae através de precatórios.


Ao mesmo tempo, debateu-se também a defesa da Cedae, mantendo pública o que ainda se tem da companhia na mão do Estado.


Recentemente, foi noticiado que o governador pretende recorrer ao STF para questionar a dívida do Rio de Janeiro com a União, que hoje está em R$ 188 bilhões. Vale lembrar que a Cedae foi vendida por mais de R$ 22 bilhões, alegando que esse recurso seria para pagar as dívidas.


Em outra frente, agora no Rio de Janeiro, os diretores do Sintsama-RJ, João Xavier, Joca, Jorge Valle, Cláudia, Marcelo, Leandro e Lima estiveram na Alerj, dialogando com a comissão de Trabalho e Renda para tratar da defesa da escala 24x72.


A direção do Sindicato foi recebida pela assessoria da deputada estadual Dani Balbi, ficando acordado a realização de uma audiência pública na Alerj para tratar sobre o tema. Apesar de ainda não ter sido fechada, a data provável será no dia 27 de março.

89 visualizações0 comentário

Comentarios


Nossa rede social:

Eleição 2023.png
Notíciais da sua Empresa.png
Nascente 245.jpg

NASCENTE

Clique acima para Edição Atual

Arquivo de Notícias
bottom of page